Warning: Undefined array key "habilitar_anuncio_no_header_fixo_2" in /home/sites/19b/e/ede78fc48b/public_html/wp-content/plugins/ads_ninja/includes/ads.php on line 130

Jurisdição Ambiental: Consultoria especializada.

Jurisdição Ambiental: Consultoria especializada

A jurisdição ambiental é um campo de estudo que envolve a aplicação das leis e regulamentos relacionados ao meio ambiente. Com o aumento da conscientização sobre a importância da preservação ambiental, a demanda por consultoria especializada nessa área tem crescido significativamente. Neste glossário, iremos explorar os principais termos e conceitos relacionados à jurisdição ambiental, fornecendo um guia abrangente para profissionais e interessados no assunto.

1. Licenciamento ambiental

O licenciamento ambiental é um processo pelo qual um empreendimento ou atividade potencialmente poluidora precisa obter uma autorização do órgão ambiental competente para iniciar suas operações. Esse processo envolve a análise dos impactos ambientais que a atividade pode causar e a definição de medidas mitigadoras para minimizar esses impactos.

2. Áreas de preservação permanente (APPs)

As áreas de preservação permanente são áreas protegidas por lei devido à sua importância para a preservação dos recursos naturais. Essas áreas incluem margens de rios, encostas, topos de morros, entre outros, e possuem restrições quanto ao uso e ocupação do solo.

3. Reserva legal

A reserva legal é uma área dentro de uma propriedade rural que deve ser preservada com vegetação nativa. A sua função é garantir a conservação da biodiversidade e a manutenção dos serviços ecossistêmicos. A porcentagem da área total da propriedade que deve ser destinada à reserva legal varia de acordo com a região e o bioma.

4. Zoneamento ambiental

O zoneamento ambiental é uma ferramenta de gestão territorial que busca conciliar o desenvolvimento econômico com a preservação ambiental. Ele consiste na divisão do território em zonas com diferentes restrições e diretrizes para o uso e ocupação do solo, levando em consideração as características ambientais e socioeconômicas da região.

5. Estudo de impacto ambiental (EIA)

O estudo de impacto ambiental é um instrumento utilizado para avaliar os impactos que um empreendimento ou atividade pode causar ao meio ambiente. Ele consiste na identificação, previsão e avaliação dos impactos, bem como na proposição de medidas mitigadoras e compensatórias. O EIA é obrigatório para empreendimentos de grande porte ou que possam causar impactos significativos.

6. Avaliação de impacto ambiental (AIA)

A avaliação de impacto ambiental é um processo contínuo que visa monitorar e avaliar os impactos ambientais de um empreendimento ou atividade ao longo de sua vida útil. Ela envolve a coleta de dados, análise dos impactos e proposição de medidas corretivas, visando minimizar ou eliminar os impactos negativos.

7. Poluição ambiental

A poluição ambiental refere-se à introdução de substâncias ou formas de energia no meio ambiente que causam danos à saúde humana, aos ecossistemas e aos recursos naturais. Essa poluição pode ser causada por atividades industriais, agrícolas, urbanas, entre outras, e pode ter efeitos devastadores no meio ambiente.

8. Desmatamento

O desmatamento é a remoção da vegetação nativa de uma área, seja para a exploração econômica, seja para a expansão urbana. Essa prática tem sido uma das principais causas da perda de biodiversidade e do aumento das emissões de gases de efeito estufa, contribuindo para as mudanças climáticas.

9. Recuperação ambiental

A recuperação ambiental é o processo de restauração de áreas degradadas, visando restabelecer suas funções ecológicas e promover a sua recuperação. Esse processo envolve ações como o reflorestamento, a recuperação de nascentes, a descontaminação de solos, entre outras medidas.

10. Educação ambiental

A educação ambiental é um processo de aprendizagem que visa sensibilizar e conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação ambiental e da adoção de práticas sustentáveis. Ela busca promover a mudança de comportamento e a formação de cidadãos mais responsáveis e comprometidos com o meio ambiente.

11. Crimes ambientais

Os crimes ambientais são infrações cometidas contra o meio ambiente, que podem resultar em danos significativos à natureza e à saúde humana. Esses crimes incluem o desmatamento ilegal, a poluição de rios e mares, o tráfico de animais silvestres, entre outros. A legislação ambiental prevê sanções para essas práticas, visando coibir e punir os responsáveis.

12. Fiscalização ambiental

A fiscalização ambiental é a atividade realizada pelos órgãos competentes para garantir o cumprimento das leis e regulamentos ambientais. Essa fiscalização envolve a vistoria de empreendimentos, a aplicação de multas e sanções, e o acompanhamento das medidas de mitigação e compensação ambiental.

13. Sustentabilidade ambiental

A sustentabilidade ambiental refere-se à capacidade de um sistema ou atividade de se manter a longo prazo, sem comprometer os recursos naturais e a qualidade de vida das gerações futuras. Ela envolve a adoção de práticas sustentáveis, como o uso racional dos recursos naturais, a redução da emissão de poluentes e a preservação da biodiversidade.

Botão Voltar ao topo

Warning: Undefined array key "habilitar_anuncio_no_footer_fixo_3" in /home/sites/19b/e/ede78fc48b/public_html/wp-content/plugins/ads_ninja/includes/ads.php on line 148

Warning: Undefined array key "habilitar_anuncio_no_popup_4" in /home/sites/19b/e/ede78fc48b/public_html/wp-content/plugins/ads_ninja/includes/ads.php on line 166